Tropicalismo

 

O Tropicalismo foi um movimento cultural brasileiro, que exaltou as cores do Brasil e dos brasileiros. Seu maior impacto ocorreu no final dos anos '60, quando tudo era mais colorido, apesar do regime militar. Teve na música sua maior expressão, em que era mais referido como Tropicália.

Naqueles anos revolucionários tudo era motivo para uma revisão de conceitos. Na música, embalaram-se nesse movimento Caetano Veloso, Gilberto Gil, Tom Zé, Os Mutantes, Torquato Neto, Gal Costa, Maria Betânia, Capinam, Rogério Duprat e outros.

A literatura recente passou a revisar aquele movimento juvenil, atribuindo maior profundidade e seriedade. A maior contribuição do Tropicalismo foram suas obras artísticas inovadoras e de imensa qualidade, com sotaque deliciosamente brasileiro.

 

O baianíssimo Caetano Veloso, um dos mentores do Tropicalismo e seu principal incentivador. Canta neste vídeo Tropicália, sua composição e uma das obras simbólicas do movimento. Aqui, a música recebe novo arranjo, com ritmos baianos que variam do samba ao axé (© 2012 Universal Music/Vevo).

Caetano Emanuel Vianna Telles Velloso nasceu em 7 de agosto de 1942, em Santo Amaro, no Recôncavo Baiano, irmão de Maria Betânia e conterrâneo de Manuel Pedro dos Santos, o cantor que realizou a primeira gravação musical no Brasil (Isto é Bom, 1902) e gravou o primeiro samba (Pelo Telephone, 1916).

Mudou-se para Salvador, em 1960. Entrou para a Faculdade de Filosofia da UFBA, em 1963, e passou a fazer shows na Cidade.

Hoje, é um dos mais importantes músicos do mundo.

 

A baiana Gal Costa interpreta Divino Maravilhoso, de Caetano Veloso e Gilberto Gil, no Festival da Record de 1968.

Maria da Graça Costa Penna Burgos, nasceu em Salvador, em 26 de setembro de 1945. Aos 15 anos já cantava e tocava violão em festas. Iniciou sua carreira nos anos '60, em Salvador, ao lado de Caetano Veloso, Maria Betânia, Tom Zé e Gilberto Gil.

 

O baiano Gilberto Gil canta Domingo no Parque, sua composição, acompanhado pelos Mutantes, no Festival da Record de 1967.

Gilberto Passos Gil Moreira nasceu em Salvador, em 26 de junho de 1942. Gravou seu primeiro disco em 1962. Depois, fez um show no Teatro Vila Velha, em Salvador, com Caetano Veloso, Maria Betânia, Gal Costa e Tom Zé. Graduou-se em Administração de Empresas pela UFBA, em 1964. Foi Ministro da Cultura, de 2003 a 2008, e embaixador do ONU. Recebeu o Grammy, em 1999 e em 2006.

 

 

na Música

 

Cultura

Música

 

Carnaval

 

Copyright © Guia Geográfico - Arte Musical. Երաժշտություն. Muziko.

 

Tropicália

 

 

Musica

 

Tropicalismo